Electrolux prioriza medidas que auxiliam na diminuição do consumo de água

20 Mar 18

Dados da ONU apontam que cada pessoa utiliza, em média, 110 litros de água por dia no mundo. Só no Brasil, esse valor ultrapassa mais de 200L/dia¹. Embora o planeta seja composto de 67% de água em sua superfície, sendo 12% correspondente ao Brasil, os maiores vilões, quando o assunto é economia de água, estão na cozinha e no banheiro.

 

No Brasil, a média de água desperdiçada após o tratamento chega a ser 40%. Visando minimizar os impactos ambientais em todos os seus processos, a Electrolux, em sua estratégia de sustentabilidade For the Better, adotou medidas a partir dos pilares globais estruturados relacionados a “Melhores Operações, Melhores Soluções e Melhor Sociedade” e traçou uma meta importante de reduzir 20% do consumo de água até 2020, quando comparado a 2015.

 

No Laboratório de Testes de Lavadoras, na planta em São Carlos, por exemplo, era necessário testar o processo de lavagem de cada produto, o que elevava o gasto de água em até 30 litros por teste. Para eliminar o desperdício nessa etapa, a Electrolux passou a filtrar e a reutilizar o recurso no próprio teste em até doze ciclos. Somente então, a água é reaproveitada para outros fins como irrigação de jardins e lavagens do piso. “A nossa fábrica de São Carlos é um exemplo nas questões de reuso da água da chuva. Somente neste ano de 2018 já foram capitados 150.000 litros, que são utilizados em nossos processos internos”, diz Luis Machado, Gerente da Qualidade e Sustentabilidade na Electrolux Brasil.

 

Essas e outras iniciativas fizeram a companhia conquistar, pelo terceiro ano consecutivo, a premiação “Gold Class Award”, do anuário de Sustentabilidade da RobecoSAM’s, que faz uma avaliação do desempenho de sustentabilidade das maiores empresas do mundo. Entre as 2.500 empresas que foram analisadas durante a pesquisa, a Electrolux ficou entre as 73 maiores.

 

De acordo com a Gerente de Produto da América Latina, Joana Dias, a Electrolux foi pioneira ao desenvolver o conceito de reaproveitamento de água em lavadoras, quando lançou em 2006 o modelo LTE12 de 12kg. Todas as lavadoras, chamadas de LAC’s, além de se destacarem pela tecnologia Jet&Clean, que realiza a limpeza automática do dispenser por meio de fortes jatos d’água, elas também possuem a função reutilização de água, o que ajuda o consumidor dar outros fins a água e não apenas o descarte. “A LAC16, por exemplo, permite ao consumidor economizar até 95 litros de água por ciclo de lavagem. Para se ter uma ideia, com esse volume de água é possível regar seu jardim por uma semana”, afirma Joana.

 

Já para a cozinha, as lava-louças da marca auxiliam na redução do consumo de água. Estudos demonstram que esse eletrodoméstico é capaz de economizar até 85% de água, se comparado com uma lavagem manual, que gasta em média, entre 50 e 60 litros. Uma lava-louças compacta consome apenas 8,4 litros de água no ciclo normal de lavagem. Essa economia representa 1,815 litros de galões de 20 litros.

¹ Dados da Organização das Nações Unidas

² Estudo comparativo com lavagem manual da Bonn University, 2011.

 

Sobre o Grupo Electrolux

A Electrolux transforma a vida para o melhor, reinventando as experiências de sabor, cuidado e bem-estar para uma vida mais prazerosa e sustentável em todo o mundo. Como uma empresa global líder de eletrodomésticos, colocamos o consumidor no centro de tudo o que fazemos. Por meio de nossas marcas, que incluem a Electrolux, AEG, Anova, Frigidaire, Westinghouse e Zanussi, vendemos mais de 60 milhões de produtos para cozinhas domésticas e profissionais, em mais de 150 mercados, todos os anos. A Electrolux opera desde 1919, com sua sede localizada em Estocolmo, na Suécia, e as ações ELUXb da Electrolux são cotadas na Nasdaq OMX de Estocolmo.